13.9.14

Setembro instrumental

Segunda edição do Festival Internacional de Música em Goiás (Figo) realiza apresentações em Goiânia, Pirenópolis e Alto Paraíso

O mês de setembro abre as portas para a segunda edição do Festival Internacional de Música em Goiás (Figo), um importante reforço para a agenda cultural do Estado. Com foco na música erudita, jazz, blues e instrumental, e abrindo espaço para a cultura popular, a mostra pretende estimular o acesso às produções deste universo musical, formando público, permitindo intercâmbio entre artistas e produtores e incentivando o escoamento dos produtos culturais.

A primeira edição do festival foi realizada em 2013, nas cidades de Goiânia e Pirenópolis, com um expressivo sucesso de público. Nesta edição de 2014, o Figo se expande para Alto Paraíso, município localizado na região da Chapada dos Veadeiros. Ao todo, a programação traz 33 apresentações artísticas. Serão artistas das cenas nacional e internacional, além de um espaço garantido para 12 apresentações goianas, selecionadas por meio de edital, com curadoria especializada e independente.

A extensa lista de artistas que vão se apresentar no festival se divide entre as três cidades, com dois dias de programação em Alto Paraíso, nos dias 12 e 13 de setembro, em Pirenópolis, nos dias 19 e 20, e, por fim, o fim de semana de 26 a 28, em Goiânia, no Centro Cultural Oscar Niemeyer.

12.9.14

Conservatório de Tatuí abre 61 vagas a novos alunos

Vagas são para 13 cursos diferentes nas áreas de música clássica, choro e MPB & Jazz

O Conservatório de Tatuí, instituição do Governo do Estado de São Paulo e da Secretaria da Cultura do Estado, recebe a partir da próxima segunda-feira, 15, inscrições de candidatos a 61 novas vagas em 13 cursos diferentes nas áreas de cordas, sopros – metais, percussão sinfônica,performance histórica, violão clássico MPB & Jazz e choro. As inscrições podem ser feitas até a sexta-feira, 19, pelo site conservatoriodetatui.org.br/vagas.

São oferecidas vagas para violino (12 vagas somente para candidatos com até 11 anos); trompete (6), trompa (9), trombone (12), percussão sinfônica (1), violoncelo barroco/viola da gamba (2), violão clássico (7), guitarra (2), piano popular (1), saxofone popular (3), trompete popular (2), bateria (3) e flauta transversal – choro (1).

7.9.14

Os 10 maiores cantores da música popular brasileira em todos os tempos

 

Revista Bula

 

Não sei quanto a vocês mas, eu detesto listas. Todas elas. Simplesmente, não suporto. Lista de convidados. Lista dos convidados a se retirarem. Lista de medicamentos. Lista de espera. Lista de aprovados. Lista de recém-nascidos. Lista de mortos na queda de um avião. Lista de demitidos. Lista de compras pro supermercado. Lista de alimentos que dão câncer. Lista dos lábios que eu não beijei. Lista de doenças sexualmente transmissíveis. Lista para a câmara de gás. Lista dos mais incríveis, dos inesquecíveis, dos mais influentes, dos piores, dos queridinhos, dos preteridos. Lista das listas. Eu acho tudo isso um saco.

Por que, então, volta e meia, eu as escrevo? — vocês hão de perguntar, pois também não se ligam nelas ou, ao contrário, são uns aficionados. Eu as faço, caros leitores, por contingências do meu editor. Só isso. Ele me obriga. Sou regiamente pago com mimos, confesso. Sou movido à bajulação e ele vive a dizer que eu escrevo demais. Também penso assim. Se me deixarem, eu escrevo muito, um dia inteiro e sem fazer pausa. Um escândalo.